Menu e Galeria de Posts Recentes

Image Map

domingo, 22 de março de 2015

RESENHA: PARA SEMPRE SUA - SYLVIA DAY #3 Série Crossfire





Sinopse: A partir do momento que conheci Gideon Cross, vi nele algo que precisava. Algo que não podia resistir. Eu vi a alma perigosa e danificada — muito parecida com a minha. Eu estava atraída por isso. Eu precisava dele, tanto quanto precisava que meu coração batesse. Ninguém sabe o quanto ele arriscou por mim. O quanto fui ameaçada, ou quão sombria e desesperada a sombra de nosso passado se tornaria. Entrelaçados por nossos segredos, nós tentamos desafiar as probabilidades. Nós fizemos nossas próprias regras e nos rendemos completamente ao poder requintado da posse…

Só há uma coisa a dizer sobre esta leitura: amor ou ódio.

A história começa sequencialmente ao término de Profundamente Sua, que é quando descobrimos o motivo pelo qual o casal Eva Tramell e Gideon Cross teve que se afastar. Eva descobre o que Gideon fez em nome do amor e o perdoa. Ambos vivem na sombra daquela tragédia. Com isso, eles decidem esconder seu envolvimento de todos para assim, sem criar suspeitas, poderem retomar seu relacionamento publicamente aos poucos novamente.



Neste volume, Eva e Gideon precisam superar seus traumas; o amor que sentem um pelo outro não é mais uma incerteza, contudo duas pessoas como eles consolidando um relacionamento estável não é uma coisa fácil. E é exatamente isso que eles fazem, de uma forma distorcida e meio masoquista, mas ainda assim tentam seguir em frente e viver esse amor. Então não, esse livro não descreve o viveram felizes para sempre do casal, mas narra o avanço deles rumo a esse desfecho.A autora também dá mais abertura para explorar os personagens secundários, (Cary <3) e a história começa a ficar mais romântica, mostrando que não é apenas um livro erótico, Para Sempre Sua também é sobre superar os danos do passado e poder amar. Aqui, além do romance, temos a abordagem das dificuldades enfrentadas pelo melhor amigo de Eva, os problemas familiares de Gideon, o passado amoroso de Eva e seu ex-namorado conquistador, e os segredos que envolvem a personalidade de Cross e que ameaçam serem revelados por uma perspicaz jornalista. Fora isso ainda temos mistério e suspense em pequenas doses, criando no leitor o sentimento constante de que a segurança de Gideon e Eva está por um fio. Ela criou inúmeras situações que ficaram sem respostas e que lógico, teremos que aguardar até o próximo lançamento. E também, o livro não teve final, simplesmente acabou e...???? Nossa sorte é que Sylvia Day sabe escrever um livro quimicamente forte o suficiente para não deixar que a história se transforme em um grande desastre.

Eu particularmente ADORO livros eróticos e pra mim Sylvia Day está no topo dos meus autores favoritos pra esse gênero. Bem, desejo toda a sorte do mundo e uma excelente inspiração a autora para a continuidade da série e definitivamente, espero que ela não faça dessa série algo decepcionante...


Como eu já disse no início da resenha, em uns momentos eu amava o livro e em outros o odiava, mas a grande questão é que o resultado foi positivo, e que ao contrário de muitos fãs da autora que ficaram com medo da extensão para cinco livros, eu agostei bastante do final e estou bem ansiosa para os próximos livros da saga. Bom, apesar das várias criticas sobre a saga — antes uma trilogia — senti que esse terceiro livro foi totalmente necessário para fechar lacunas e abrir outras tantas para que os próximos livros possam manter um enredo interessante ao público. Não tenha medo, continue lendo!